• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Trabalhadores (as) da JMT paralisam atividades nos hospitais de Natal

O Sindhoteleiros garantiu que toda a paralisação está amparada pela lei, o indicativo foi publicado e aprovado em assembleia.

Publicado: 11 Fevereiro, 2021 - 17h49

Escrito por: Redação CUT RN

SINDHOTELEIROS/RN
notice

Na manhã desta quinta-feira (11), os funcionários terceirizados da empresa JMT paralisaram as atividades nos hospitais onde a terceirizada atua. A paralisação é pelo atraso salarial, falta de renovação coletiva e demais descumprimentos de acordos que não vem sendo realizados desde 2019, segundo o Sindicato dos Empregados no Comércio Hoteleiro e Similares DO Rio Grande do Norte (SindHoteleiros/RN)

Ainda segundo o Sindhoteleiros, a JMT por sua vez, pressiona e desvirtua os trabalhadores e trabalhadoras afirmando que o sindicato não o representa, na tentativa de desmobilização da organização dos terceirizados em busca dos seus direitos. Além de todo um assédio moral com quem adere a paralisação. ''Nós fomos convocados e chamados pelos trabalhadores que representamos e daremos todo o suporte necessário para o cumprimento da garantia dos direitos dos funcionários e funcionárias da empresa ‘’ Afirmou Ana Maria, Diretora do Sindhoteleiros/RN.

A paralisação continuará ainda pela noite, com o quantitativo de 30% trabalhando e 70% paralisado. A Mobilização pretende se estender até que a JMT dê algum retorno favorável aos trabalhadores.

O Sindhoteleiros garantiu que toda a paralisação está amparada pela lei, o indicativo foi publicado e aprovado em assembleia.