• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

NOTA DE SOLIDARIEDADE À GOVERNADORA FÁTIMA BEZERRA

A CUT PRESTA SOLIDARIEDADE À GOVERNADORA FÁTIMA BEZERRA (PT) EM DECRETAR QUE A PARTIR DE AGORA REINTEGRAÇÕES DE POSSE SÓ COM ANUÊNCIA DE MEMBROS DO EXECUTIVO DO ESTADO

Publicado: 09 Agosto, 2019 - 13h12 | Última modificação: 09 Agosto, 2019 - 13h26

Escrito por: Bruna Torres

Luisa Medeiros
notice

A partir dessa quinta-feira (8), o cumprimento de ordens para reintegrações de posses só acontecerão com a anuência da governadora Fátima Bezerra (PT), do secretário de Segurança Pública e do comandante-geral da Polícia Militar, no Rio Grande do Norte. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE).

A Central Única dos Trabalhadores reconhece o decreto feito pelo poder executivo como importante para a defesa e integridade das pessoas que se encontram em situação de ocupação pelo direito à terra ou à moradia.  

Logo após o decreto da governadora, boa parte da imprensa local criticou a decisão ter sido divulgada depois que cerca de 30 famílias serem expulsas do assentamento Comuna Marisa Letícia, na cidade de São Gonçalo do Amarante, por ordem judicial. Na ocasião, os assentados foram tratados com truculência e os barracos foram destruídos com uma retroescavadeira. Para os veículos de comunicação, o decreto foi uma proteção que o Estado deu aos ocupantes. 

Portanto, a CUT apoia a decisão do executivo em resguardar a integridade da população, além de cobrar da Polícia Militar um planejamento de tática comunicando dia, hora e método no momento da expedição, mesmo com ação judicial.